"Creio que uma forma de felicidade é a leitura!"

Resenha: Amor e Gelato

Resenha: Amor e Gelato
Autora: Jenna Evans Welch
Editora: Intrínseca
Páginas:319

 "Florença é o lugar perfeito para se apaixonar e o pior ludar do mundo para ficar de coração partido".


Sinopse- Lina vai passar o verão em Florença, mas não está nem um pouco interessada em apreciar a famosa paisagem florida e ensolarada. O único motivo de sua viagem á atender ao último pedido da mãe. Ela queria que Lina finalmente conhecesse o pai . Mas que tipo de pai não dá as caras por dezesseis anos? Pouco importa. Lina só quer voltar logo para casa.
Tudo muda quando ela recebe um diário que a mãe escreveu na época em que que estudou  na Itália. De uma hora para outra, Lina se vê mergulhada naquelas páginas, completamente envolvida por uma misteriosa história de amor marcada por uma decisão difícil. As descobertas vão inspirá-la a seguir os passos da mãe, ao lado do charmoso e simpático Ren, seu novo amigo italiano, pelos mais lindos pontos turísticos da Toscana-um caminho que a levará ao segredo capaz de mudar tudo o que ela achava saber sobre sua família e sobre si mesma.



Após passar por um momento extremamente doloroso, e perder sua grande amiga e mãe, Lina se vê completamente perdida e sem rumo. Pouco antes de sua mãe falecer, ela acaba revelando a filha seu ultimo desejo, de que ela vá para Florença conhecer seu pai (que até então ela não sabia que existia) e que passe com ele um verão.
Perder a mãe, ir para um país totalmente novo, conviver com quem jurava não existir, deixar de lado sua melhor amiga... esses são alguns dos medos que invadem a mente da nossa querida protagonista.
Decidida a cumprir o desejo da mãe, ela parte rumo a  Florença!!
Chegando lá ela depara-se com Howard um senhor aparentemente simpático, mais completamente estranho, a e como se não bastasse ele  era zelador de um memorial da segunda guerra mundial ou seja.. um cemitério (bizarro né)! Após toda essa turbulência  ela recebe de uma das amigas de sua mãe um diário, onde ela relatou tudo o que viveu na época em que esteve em Florença, e é enquanto busca consolo nas páginas do antigo diário , que Lina começa a descobrir que tudo o que sabia sobre sua família e sobre si mesma vai mais além do que lhe foi contado.
Disposta a descobrir toda a verdade, ela conta com a ajuda do simpático italiano Lorenzo, e juntos eles vão revivendo aventuras ,alegrias e dores antes vividas pela sua mãe, aprendendo e criando assim suas próprias experiências, conhecendo novos sentimentos nesse lugar incrivelmente apaixonante.



Uma leitura leve, doce e emocionante, mais que traz uma mensagem  de recomeço amadurecimento e é claro amor. Acho que se me pedissem para definir essa leitura, seria mais ou menos assim .
Com uma narrativa de fácil entendimento, rica em detalhes a autora nos permite sentir os aromas e sabores, e admirar as maravilhosas vistas de Florença no decorrer de cada página(confesso que enquanto eu lia ficava procurando os lugares citados no google e os imaginando no decorrer dos trechos)
 Intercalando passado e presente através das páginas do diário lida pela protagonista, podemos sentir como se mãe e filha estivessem conhecendo Florença juntas, e mesmo distantes compartilhassem essas experiências.
Enquanto lida com o luto, Lina vai redescobrindo maneiras de viver, nos permitindo aprender um pouco mais  com suas descobertas, abrindo assim espaço para novas pessoas em sua vida, aprendendo e conhecendo  com elas novas maneiras de amar e ser amada.
 Não posso deixar de citar a edição que está maravilhosa! com coraçõezinhos que deixam a leitura ainda mais fofa, que relatam bem a doçura da obra.

Para quem  está buscando uma leitura leve, açucarada, pra curar a ressaca e ler rapidinho sem dúvidas é uma ótima pedida..  embarque pra Florença...
Tenho certeza que não irão se arrepender!

Resenha: Além da Magia

Resenha: Além da Magia
Autora:  Tahereh Mafi
Editora Universo dos Livros
Páginas: 364
Cortesia cedida pela Editora


Sinopse- Apenas três coisas são importantes na vida de Alice Alexis Queensmeadow , de  12 anos: Mãe , que não sentia sua falta; magia e cor, que parecem fugir dela; e Pai, que sempre a amou. Certo dia , Pai desaparece de Farenwood levando consigo nada além de uma régua . Três anos depois desse acontecimento, Alice está decidia a encontrá-lo, pois ama seu pai ainda  mais do que ama aventuras e está disposta a desbravar um novo mundo e trazê-lo de volta.
Para isso , ela terá de viajar pelo território místico e perigoso de Futhermore , onde para baixo pode ser para cima, papel é uma coisa viva, e esquerdo pode ser direito ou muito, muito errado. Alice precisará reunir toda a sua perspicácia para encontrar Pai e voltar inteira a Farenwood. E, nessa jornada, ela terá primeiro de encontrar-se em meio a sua própria magia junto a Oliver Newbanks , seu irritantemente novo companheiro de aventura.


Em Farenwood a magia predomina. Tudo vive e espira magia e cores. Alice embora sinta fluir em si  a magia, sente-se diferente de todos que ali vivem, ela não possui   cores, contrastando com tudo que existe ali.
Isso fazia com que ela não tivesse amigos e vive-se reclusa em uma vida infeliz, onde não sentia afeto nem mesmo de sua própria mãe. Pai que era quem ela mais amava, e quem mais lhe amava, havia desaparecido havia três anos, ele saiu em uma jornada misteriosa  sem relavar nada além de uma régua, e desde então nunca mais voltou, aumentando assim a amargura de Mãe com relação a ela.
Alice foi educada em casa, devido ao tratamento maldoso  que recebia das demais crianças, onde com as lições de Mãe procurava a cada dia melhorar seu dom para o tão esperado dia da entrega.
 Quando completavam treze anos as crianças participavam da "entrega". Entrega era um ritual de passagem onde todas as crianças  apresentavam aos anciãos seus dons o que achavam de mais poderoso que a magia dentro de si podia construir, e os mesmos recebiam notas e missões referentes aos seus dons, missões essas que  mudariam seus destinos para sempre.
Alice esperava ansiosamente por esse dia, pois queria assim como seu pai receber uma missão que mudasse sua vida , e que de uma vez por todas deixasse de ser vista como estranha aos olhos dos demais..,porém um dia antes desse acontecimento ela esbarra com Oliver Newbanks, um antigo colega de quem  não tinha boas recordações.
Oliver  chega  abalando as estruturas de Alice, a levando ao ódio em questão de segundos. Ele diz saber onde  Pai estava, e que precisava de sua ajuda  para encontrá-lo.
Embora duvidasse e não gostasse nenhum pouco dele, essa era a a primeira notícia em três anos que recebia de Pai. E se fosse a única maneira de encontrá-lo e ela desperdiça-se ?
Com uma série de dúvidas e incertezas Alice parte para a entrega, onde devido a falta de preparo e incentivo da mãe acaba fracassando.
"Renunciar a entrega era uma opção que jamais fora uma opção(...)
Perder essa oportunidade partiria seu coração.
Assim como perder Pai havia partido seu coração"


 Com medo de ser rejeitada e ridicularizada novamente, ela percebe que precisa desesperadamente encontra por Pai.  Com sede de respostas e aventuras ela  parte em jornada, junto com seu odiado mais novo amigo Oliver, por terras até então desconhecidas que mudarão suas vidas para todo sempre.

Com uma narrativa completamente diferente de tudo que já havia lido, carregada de poesia e delicadeza Tahereh Mafi  consegue nos transportar para um universo totalmente, novo, mágico e repleto de cores.
De maneira sútil , leve e engraçada, ela consegue abordar temas fortes como bullyng, tramas familiares, perdas e principalmente recomeços, arrancando risos e suspiros enquanto lemos cada página.
Narrado em terceira pessoa a autora vai dialogando com o leitor, como se um amigo nos contasses uma história, e fosse interagindo conosco a cada capítulo lido.


 Durante a leitura a autora  nos apresenta seus pontos de vista destacando ainda mais detalhes que enriquecedores na trama ,a sensação que tive enquanto lia, era que uma velha amiga me contava uma história e que partilhava comigo segredos e suas  as opiniões sobre ela.
Durante a narrativa, vamos conhecendo mais os personagens, descobrindo quais são seus medos, e vendo de perto seu amadurecimento e aprendizado ao longo da  jornada, tudo de maneira pura e verdadeira através de suas atitudes inocentes e infantis.
Posso dizer que toda a ambientação de cenário descrito é maravilhosa . Repleta de detalhes que nos permite visualizar o tempo e espaço em que a narrativa se passa, por se tratar de uma fantasia a descrição é fundamental, pois permite ao leitor viajar e visualizar todo o universo novo criado pela autora.
Sem  falar nos personagens que (além de super fofinhos) são bem construídos, tanto em suas qualidades como em seus defeitos, permitindo-nos hora amá-los e odiá-los e é claro enganar-se com respeito de suas reais intenções( nunca acredite na fofura de um personagem -pequeno conselho kk)
Não posso deixar de ressaltar que a  edição é  maravilhosa folhas amareladas, e ilustrações de encher os olhos !

Além da Magia é uma daquelas leituras que permite ao leitor esquecer-se do mundo a sua volta e viajar e dar espaço a imaginação trazendo de volta pensamentos infantis muitas vezes adormecidos pela nossa necessidade de crescer., confesso que quando acabei fiquei com um sorriso super bobo no rosto e aquela sensação gostosa no coração!
"Você pode pintar o mundo com a cor que está dentro de você!"

Permita-se colorir o mundo a sua volta!! 
Sem dúvidas super indico essa leitura para quem gosta de aventuras,aprendizados  e é claro  muita magia!