"Creio que uma forma de felicidade é a leitura!"

Resenha: Mil Beijos de Garoto

Resenha: Mil Beijos de Garoto
Autora : Tillie Cole
Páginas: 400
Editora: Outro Planeta

Sinopse- Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto.Uma garota. Um vínculo que é definido num momento que se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar pra sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando , aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para onde passou a infância-a cidade americana de Blosson Grove, na Geórgia-, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield ,a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente o seu retorno. Ele quer descobrir porquê, nos dois anos em que esteve fora ela o deletou da sua vida sem dar nenhuma explicação.

Como começar essa resenha, se ao me lembrar dessa história já me vem aquela imensa vontade de chorar??
Em Mil Beijos de Garoto conhecemos Rune, um lindo garotinho norueguês introvertido que se muda com sua família para Blosson Grove na Geórgia. Dono de um sotaque diferente e de uma beleza incrível, ao chegar na nova residência depara-se com uma menininha, ligeiramente curiosa chamada Poppy. Ao vê-lo , compara sua beleza a de um Viking e reconhece que serão melhores amigos e que juntos viverão as melhores aventuras.
"Rune-ela disse, com a voz séria e forte-, você mora na casa ao lado, é um Viking e eu amo Vikings.Acho que deveríamos ser melhores amigos (...). Fica legal não fica, Poppy e Rune , melhores amigos até o infinito?"
Com uma amizade repleta de aventuras, os dois são inseparáveis, e junto com a avó de poppy que também era uma de suas melhores amigas, eles passam a viver inseparável mente. Até o dia em que uma triste notícia abala o coraçãozinho da pobre Poppy. Sua avó que tanto ama, sempre lhe disse que as maiores aventuras que vivera tinha sido com seu falecido marido. E que cada um de seus beijos lhe fizeram suspirar. Então como forma de seu ultimo pedido em vida, ela pede a neta que viva intensamente como ela, e dê beijos que faça seu coração viver as maiores aventuras , entregando a ela um pote, com mil corações cor de rosa, para que anotasse cada um de seus beijos.
Rune ao ver que Poppy não exitaria em cumprir a missão desejada pela avó , decide participar da aventura e ser o único garoto que lhe daria beijos suficientes para preencher o pote. E é ai que ambos iniciam uma aventura, onde a cada beijo,a  cada aventura vão se apaixonando mais e mais, descobrindo as diversas maneiras de amar. Até que num determinado dia  adolescência, Rune precisa voltar com a família para a Noruega. Apesar de relutar de todas as maneiras não ha nada de ambos possam fazer, e acabam se separando. Mesmo longe o amor não muda, eles continuam se falar sempre , até que em um dia,Poppy, some sem dar nenhuma explicação a Rune. Desolado e absorto em sua raiva, ele transforma-se em uma versão diferente do Rune que Poppy conhecera. E chega o dia que ele voltará para a cidade em que cresceu, e encontrará aquela que sempre amou e dilacerou seu coração.Um encontro que promete abalar o coração não só dos protagonistas ,mais dos leitores a cada página lida.


Quando falamos em amor pensamos em beijos ,carícias, abraços... mais nesse livro a autora nos mostra que amor é muito mais que isso, amor estar em se doar, em fazer o seu melhor pela pessoa amada.
Com uma narrativa bem doce, e repleta de clichês a autora nos permite ver o  nascer de uma amizade e como aos poucos ela vão se transformando em amor, como o encontro de dois corações que só funcionam juntos.
Confesso que enquanto lia, visualizava as cenas descritas de maneira tão perfeita que parecia estar dentro do enredo. Os personagens são reais, cativantes e bem construídos que sem dúvidas queria té-los como amigos.
Não consigo descrever o que senti quando terminei essa leitura só sabia sentir, dormi pensando no enredo e fiquei um bom tempo digerindo tudo o que havia lido.
 Mil beijos de garoto é um livro que consegue te emocionar e arrancar sorrisos,e te trazer uma enorme lição de vida!
Aproveite viva e principalmente ame!!
Já leu? me conta ai o que achou!! Caso não!! vai corrrendo... aah e separa uma caixinha de lenços bem grande porquê vai precisar!

8 comentários:

  1. Oii Faby. Eu nunca li nada dessa autora mas tenho uma imensa vontade de fazer isso porque amo de mais um bom livro cliche mas cheio de significados. Achei o máximo a proposta dela para com a obra e espero ler em breve e ter uma grande lição de vida também. Beijos.

    Blog: Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  2. Olá Faby, tudo bem? Eu vi várias pessoas indicando esse livro, essa é a terceira ou a quarta resenha que leio sobre ele. Apesar dessa capa maravilhosa e de todas as resenhas que já li, a proposta de não chamou a minha atenção e fico feliz que tenha lido e gostado tanto da história.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  3. Ain Fabi ainda não me decidi se lerei mesmo esse livro sabia... é um misto de emoções demais!
    Acho lindo mas não sei se sobrevivo a tanto hahaha
    Sua resenha me passou muita emoção mesmo, vou me lembrar de te contar se e quando eu ler rsrs.

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Fabiii, que resenha mais linda amiga, esse livro já parece ser um amorzinho só por essa fofura de capa. É a pura verdade, o amor estar em se doar, em fazer o seu melhor pela pessoa amada. Se não for assim, não é amor. Preciso desse livro. Eita que vou sair daqui mais doce com essa meiguice de resenha e ainda vou levar essa máquina linda pra mimmmmmm. Bjus linda.

    ResponderExcluir
  5. Oie! Eu tenho muita vontade de ler esse livro, principalmente porque eu adoro esse clichê de melhores amigos que se apaixonam, são afastados pelo destino e depois se reencontram. Mas confesso que não sou lá muito fã de "livros que fazem chorar", e isso foi o que me manteve longe dele hahaha. Quem sabe um dia. Mas eu adorei a sua resenha, realmente fiquei com vontade de correr e adquirir o livro. Parabéns!

    http://abducaoliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  6. "E meu coração quase explodiu..." eu amo, amo, amo esse livro faz 2 anos que o li e toda vez que vejo uma cerejeira tenho vontade de chorar. kkkkkkk, sua resenha está incrível e conseguiu transmitir o que esse livro nos passa - o que não é fácil.
    Parabéns, amei a resenha!

    ResponderExcluir
  7. Aaaah, que história cativante! Eu estou num período de ler fantasias, mas estou curiosa sobre está obra. Já tinha visto essa capa tantas vezes, mas nunca quis saber do que se tratava. Espero poder lê-lo em algum momento. Acho que vou gostar do livro. Será que eu gostaria do Rune? Talvez sim. Mas já imagino o motivo pela qual a Poppy possa ter se afastado, mas espero que não seja este, haha!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem ?

    Estou passada com esse livro, não li ele e não tinha lido nada sobre ele antes, mas já vi minha gerente chorar litros lendo ! Com toda certeza uma ótima dica de leitura, que vai emocionar muito os leitores. Sua resenha está maravilhosa , amei conhecer seu ponto de vista, parabéns.

    ResponderExcluir